terça-feira, 6 de dezembro de 2016

Massa em três tempos

No dia a dia, uma massinha resolve tudo e ainda aquece a alma! Como praticamente tudo vira molho, pode funcionar tanto naquela missão resgate dos ingredientes que estão fazendo aniversário na geladeira, quanto num jantarzinho mais caprichado. É tudo uma questão de qual ingrediente usar, porque a forma de preparo é quase sempre a mesma. 

Nas últimas semanas, algumas receitas - óbvias ou não - salvaram a nossa pele e evitaram o desperdício. Em poucos minutos, foi possível preparar uma comida de encher os olhos e o estômago, sem gastar um tostão se quer. 

Se você tiver um pouquinho de paciência e tempo, dá até para preparar a sua própria massa fresquinha! Você vai ver que não é tão difícil quanto parece!

Molho de tomate e azeitonas
Engana-se quem acha que preparar um molho de tomate fresquinho exige horas de fogão. A receita é praticamente refogar tomate, cebola e alho picados em azeite, temperar à gosto e deixar tudo cozinhar até o tomate se desmanchar. Se quiser um molho mais lisinho, bata tudo no liquidificador. Eu pulo essa parte porque prefiro ele mais pedaçudo e suculento! A receita passo a passo do molho vermelho básico está aqui. Feito tudo isso, é só incrementar com uma xícara de azeitonas pretas picadas grosseiramente. Sucesso!

Um simples toque dá uma cara e um sabor diferentes ao tradicional molho de tomate!

Molho de abobrinha com bacon
Bacon + abobrinha = combinação feliz! Tinha sobrado ambos de algumas quiches que eu tinha preparado e eis que tive a ideia de usá-los em um molho para massa. Não sei se o nome certo é molho porque, na verdade não tem molho! Existe nomenclatura certa? Aceito sugestões. 

Fritei 100 gramas de bacon picados (sem a capa grossa que fica embaixo) e quando ficaram bem dourados, adicionei  1/4 de pimenta dedo de moça picada. Se quiser um molho menos picante, tire as sementes da pimenta. Deixei cozinhar no fogo baixo até a pimenta murchar e acrescentei 1 abobrinha pequena sem sementes cortada em cubos pequenos. Temperei com sal e pimenta do reino e pronto!  Juro que incluindo o cozimento da massa não levou 20 minutos pra ficar pronto!

Dizem que bacon é vida.
Quem sou eu pra dizer o contrário...

Almondegas de peixe ao molho de limão
Não tem uma receita do blog Panelinha, da Rita Lobo, que não dá certo. E essa não foi diferente. É super fácil de fazer, sai do lugar comum e o sabor é maravilhoso! Triturei no processador 4 filés de Saint Peter, 1/2 cebola roxa pequena, 2 dentes de alho e algumas folhas de hortelã. Adicionei sal e pimenta do reino e bati de novo. Com essa mistura, fiz pequenas bolinhas e coloquei em uma forma untada com azeite. Levei ao forno médio preaquecido e deixei cerca de 20 minutos, sacudindo a forma de vez em quando para as almôndegas cozinharem por igual. Nesse meio tempo, fiz o molho: refoguei 1 cebola pequena picada em 2 colheres de manteiga por cerca de 5 minutos, adicionei 2 colheres de sopa de farinha de trigo e cozinhei mais um pouco, mexendo sempre, até formar uma pasta. Acrescentei 1 xícara de leite e 2 xícaras de creme de leite, misturei até tudo se incorporar e deixei cozinhar por 10 minutos. Juntei as raspas e o suco de 1 limão, temperei com sal e pimenta branca moída na hora, juntei as almôndegas e deixei cozinhar mais 5 minutos. 

Receita diferente para uma ocasião especial!

Quer receber outras receitas como essas? 
Digite o seu e-mail aí em cima à direita e receba nossa newsletter!
Gostou desse post? Curta e deixe o seu comentário no Facebook, Instagram, Pinterest!